segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Vereador Dinho Solicita Apoio para garantir vacina de Brucelose a rebanhos de pequenos criadores

A vacina contra brucelose é obrigatória em todos os rebanhos que possuem fêmeas entre 3 e 8 meses de idade é só pode ser ministrada sob responsabilidade de médicos veterinários cadastrados no serviço oficial de defesa sanitária animal do estado o que requer um auto custo ao pequeno criador, com isso o vereador Raimundo Nascimento, “O Dinho do PT”, Apresentou na câmara municipal de vereadores uma proposição solicitando ao diretor Presidente do IDAF que o Governo do Estado possa disponibilizar uma campanha que permita ao pequeno criador apoio técnico na vacinação de combate a Brucelose. Segundo o parlamentar já existe um grande investimento para erradicar a febre Aftosa e que um apoio técnico voltado à vacina contra a brucelose precisa ser efetuado para que o criador possa imunizar seu rebanho contra a doença, “ a vacina é uma exigência do ministério da Agricultura para que o criador possa comercializar e exportar a carne de seu rebanho, como o pequeno produtor não dispõe de condições financeiras para contratar um médico veterinário para ministrar a vacina fica prejudicado sem poder vender a carne do animal, acredito que se houver um apóio técnico e mais investimentos o pequeno criador também poderá imunizar seu rebanho”, Disse.

Vale destacar que em propriedades certificadas recomenda-se que as bezerras sejam vacinadas até os 6 meses de idade visando minimizar assim a possibilidade de reações vacinais nos testes de diagnóstico.
Espera-se que até dezembro deste ano pelo menos 75% da população de fêmeas tenham sido vacinadas entre 3 e 8 meses de idade.
Gladys Mirian

Um comentário: